Dia trinta e nove

M. do trabalho insiste que eu estou roubando ao procurar por formas idênticas. Ele disse, abre aspas, tem que sofrer, fecha aspas. Claramente, M. deve ser a mente do mal por trás da minha equipe me comprar um quebra-cabeça gigante, ainda que ele alegue que ao chegar na loja e encontrar um quebra-cabeça de 8K escondido no fundo da prateleira, o grupo inteiro simplesmente se entreolhou com um sorriso maligno, e era isso.

Ainda falta muito céu

Ainda falta muito céu

Advertisements

One thought on “Dia trinta e nove

  1. Pingback: Dia cento e doze | My team wants me to lose my mind

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s